• sábado, 16 de dezembro de 2017
  • 22:33 Icone do tempo--ºC / --ºC

Especial

24/12/2013 às 03h50

Show do rei Roberto Carlos chega aos 40 anos e vai ao ar amanhã pela Globo

O primeiro especial de Roberto Carlos na Globo foi exibido em 25 de dezembro de 1974 (Foto: João Cotta-RG) O primeiro especial de Roberto Carlos na Globo foi exibido em 25 de dezembro de 1974 (Foto: João Cotta-RG)

E o especial de Roberto Carlos chega aos 40 anos. A cada ano, um novo formato, uma nova história. E, assim, há quatro décadas, a atração do rei toca o público com um espetáculo cheio de emoção e músicas que marcaram gerações. Sucessos como “Calhambeque”, “Estrada de Santos”, “Eu Te Proponho”, entre outros, embalaram as noites dos telespectadores e estavam na lista de canções do primeiro especial do cantor, exibido em 25 de dezembro de 1974. Desde então, o programa marca o Natal das famílias brasileiras e coleciona momentos memoráveis, reunindo grandes nomes da música do país e os principais artistas da emissora.

Neste ano, o especial “40 anos. Juntos”, que vai ao ar amanhã, 25, logo após “Amor à Vida”, celebra as Bodas de Rubi desta parceria de sucesso entre o cantor, a emissora e o público com uma noite de gala.

O espetáculo, que, ao longo dos anos, passou pelo palco do Teatro Municipal de São Paulo, pelo Ginásio do Ibirapuera, pelos estúdios do Projac, entre outros espaços, foi gravado na Cidade das Artes, no Rio de Janeiro. O local ganhou cenografia especial, e os cerca de 1.200 convidados passaram por um tapete azul, especialmente escolhido para a ocasião, até a Grande Sala, onde ocorreu a gravação. Assim como na noite de gala do cinema americano, fotógrafos registraram a entrada das celebridades pelo “Blue Carpet”.

Abrindo o repertório de sucessos, a música “Emoções” foi seguida da leitura do poema “O tempo passa? Não Passa”, de Carlos Drummond de Andrade, pelo próprio Roberto Carlos. Na sequência, canções como “Esse Cara Sou Eu”, “Como Vai Você” e “Detalhes” foram executadas.

O primeiro convidado a subir no palco foi Lulu Santos, que cantou ao lado do rei “Como Uma Onda no Mar”, um clássico do seu repertório. Tatá Werneck também participou do show. Ela surpreendeu a todos ao soltar a voz, mas tudo não passou de uma brincadeira. Anitta, a verdadeira dona do vocal dublado pela atriz, surgiu ao lado de Roberto Carlos.

Como o próprio Roberto Carlos afirma, a música lhe deu vários amigos. Um deles foi Tim Maia, que é lembrado por Tiago Abravanel, ator que interpretou o cantor em musical de grande sucesso. Vestido como o “gordinho”, carinhosamente apelidado pelo rei, Tiago se apresentou ao lado do homenageado. Em seguida, retornou sem a caracterização de Tim para uma nova canção. 

Ainda no palco, quatro DJs: Memê, Felipe Venâncio, Dexterz e Mau Mau. Cada um diante de sua mesa de mixagem executaram, junto à Orquestra RC, o medley do repertório do CD “Reimix”, com canções como “Fera Ferida”, “O Portão”, “É Proibido Fumar” e “É Preciso Saber Viver”.  

Nesta celebração, também não podia faltar Erasmo Carlos, o eterno “tremendão”. Os dois amigos cantaram juntos, entre outras canções, a nova versão de “Além do Horizonte”, tema da abertura da novela das sete. 

Entre uma música e outra, o rei foi surpreendido pela presença de Fátima Bernardes no palco. Representando a emissora, Fátima apresentou um clipe com imagens inesquecíveis de diversos momentos de Roberto Carlos.

O cenário teve iluminação especial, lustre gigante e decoração nos tons dourado e azul e foi projetado pela cenógrafa May Martins. A equipe de cenografia montou uma iluminação especial para o palco, que teve 30 metros de largura e 36 metros de profundidade, onde foram colocadas cerca de 2 mil microlâmpadas de LED. Em destaque, um grande lustre de seis metros de diâmetro. Feita artesanalmente em uma fábrica de Belo Horizonte, Minas Gerais, que trabalha com peças especiais. A luminária foi composta por cristais vindos da Tchecoslováquia e estruturas de metal.

Em paralelo à beleza do lugar, o teatro disponibilizou também camarotes e frisas que ajudaram a transmitir a ideia de noite de gala, de forma que a própria plateia foi parte importante do cenário.

A delicadeza do espetáculo e a emoção do público foram registradas em detalhes neste ano. A equipe de direção e produção do especial contou com a câmera “Cable Cam”, que permitiu a gravação aérea de todo o espaço, pois foi presa a um cabo na parte superior do teatro.

A direção do espetáculo foi de Jayme Monjardim. Com certeza uma atração imperdível!

Comentários



  • Regras para comentários

    Não serão aceitas as seguintes mensagens:

    Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;

    Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;

    Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;

    De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;

    Anônimas ou assinadas com e-mail falso;

    O Portal Regional:

    Não se responsabiliza pelos comentários dos internautas;

    Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;

    Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;

    Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.

Leia também