• domingo, 22 de outubro de 2017
  • 04:26 Icone do tempo--ºC / --ºC

Ciência

6/7/2015 às 15h52

Astrônomos britânicos descobrem cinco buracos negros supermaciços

Descoberta só foi possível com o uso de telescópio de raio-X da Nasa (Foto: Divulgação/Nasa) Descoberta só foi possível com o uso de telescópio de raio-X da Nasa (Foto: Divulgação/Nasa)

Um grupo de astrônomos da Universidade de Durham, no Reino Unido, descobriu cinco buracos negros gigantescos no centro de galáxias distantes. Segundo os pesquisadores, a descoberta reforça a possibilidade de existência de milhões de buracos negros desse tipo no universo. Os buracos não eram visíveis por estarem atrás de grandes nuvens de poeira e gás e foram revelados a partir da medição de radiação no espaço.

De acordo com a Sociedade Astronômica Real, os buracos supermaciços são mais brilhantes e mais ativos que o esperado, emitindo grande quantidade de raios-X de alta intensidade.

A visualização só foi possível com o satélite NuSTAR, da Nasa, um telescópio espacial de raio-X projetado especificamente para procurar buracos negros. O NuSTAR foi apontado para nove áreas que apresentavam alta atividade de raios-X de grande intensidade, comuns aos supermaciços, e comprovou que cinco eram buracos negros gigantes.

Os buracos negros supermaciços são uma classe de corpos celestes formados a partir do colapso de milhões de estrelas gigantes e imensas nuvens de gás. Eles se encontram no centro das galáxias e possuem milhões ou até bilhões de vezes a massa do Sol terrestre. A gravidade suga toda a matéria que passa por perto, até a luz, o que faz com que sua massa aumente cada vez mais.

Comentários



  • Regras para comentários

    Não serão aceitas as seguintes mensagens:

    Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;

    Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;

    Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;

    De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;

    Anônimas ou assinadas com e-mail falso;

    O Portal Regional:

    Não se responsabiliza pelos comentários dos internautas;

    Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;

    Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;

    Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.

Leia também