• sexta-feira, 18 de agosto de 2017
  • 17:08 Icone do tempo--ºC / --ºC

Penitenciária

1/2/2017 às 04h03

Mais um preso é assassinado enforcado no presídio de Tupi Paulista: este é o segundo caso em 2017

Presídio masculino tupiense: mais um caso de assassinato registrado 
 (Foto: Arquivo/Portal Regional ) Presídio masculino tupiense: mais um caso de assassinato registrado (Foto: Arquivo/Portal Regional )

Na madrugada que passou mais um preso foi assassinado dentro do presídio em Tupi Paulista. O delegado de polícia da cidade, Aderson Moisés Vieira informou ao Jornal Regional que este é o segundo caso de detento assassinado na unidade masculina. Ele informou que autuou quatro presidiários em flagrante por homicídio qualificado. “Um deles havia assumido o crime e depois acabou confessando que contou com a participação de outros três homens”.

O assassinato se deu, conforme relatou o delegado, no banheiro com o auxílio de uma corda (fio de costurar bolas de futebol confeccionadas na própria unidade), eles mataram o detento enforcado.

Dr. Aderson disse ainda que segundo o relato à Polícia Civil, o homem foi assassinado porque os demais presos ficaram sabendo que ele cumpria pena por homicídio contra a própria mãe e a irmã. O preso que morreu tinha 22 anos e era de São Paulo.

O caso será encaminhado à Justiça e provavelmente, segundo o delegado de polícia, os autores do crime serão encaminhados para a P1 de Presidente Venceslau.

No site da Secretaria de Administração Penitenciária (SAP) constava ontem, 31, que a população prisional referente ao dia 26 de janeiro era de 1.667 presos. A capacidade da unidade é de 844. O presídio masculino fica na rodovia Comandante João Ribeiro de Barros, km 677,8.

A SAP informou no final do ano que passou que durante o ano de 2015 houve um homicídio na unidade e em 2016 foram cinco casos.

Comentários



  • Regras para comentários

    Não serão aceitas as seguintes mensagens:

    Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;

    Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;

    Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;

    De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;

    Anônimas ou assinadas com e-mail falso;

    O Portal Regional:

    Não se responsabiliza pelos comentários dos internautas;

    Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;

    Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;

    Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.

Leia também