• quinta-feira, 23 de março de 2017
  • 23:07 Icone do tempo--ºC / --ºC

Habitação

3/2/2017 às 04h30

Prefeito Juliano se reúne com diretora da CDHU por casas populares

O prefeito Juliano Bertolini, o diretor de Habitação, Divadir Ledo, o presidente da Emdaep, Fernando Ruiz Filho, o engenheiro Bruno Galina e o técnico Sidney Pereira (Foto: Ass. Prefeitura) O prefeito Juliano Bertolini, o diretor de Habitação, Divadir Ledo, o presidente da Emdaep, Fernando Ruiz Filho, o engenheiro Bruno Galina e o técnico Sidney Pereira (Foto: Ass. Prefeitura)

Na manhã de terça-feira (31), o prefeito Juliano Brito Bertolini compareceu à sede da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), em São Paulo, para uma reunião de trabalho com a diretora técnica órgão, Ana Maria Antunes Coelho, a respeito do conjunto “Dracena K”, com 300 moradias destinadas a família de baixa renda, fruto do programa estadual “Morar bem viver melhor”.

Também participaram o diretor de Habitação, Divadir Ledo, o presidente da Emdaep, Fernando Ruiz Filho, o engenheiro Bruno Galina e o técnico Sidney Pereira, que estiveram no órgão no dia anterior (30).

Durante o encontro, foram debatidos pontos registrados no convênio e não entregues pela Prefeitura de Dracena durante o ano de 2016, como o projeto para a estação elevatória, rede de esgoto, poço e reservatório de água e um trevo que dará acesso ao residencial e ao laticínio dos produtores locais.

“Nos comprometemos a providenciar todos esses pontos solicitados pela CDHU”, explica Juliano. “A sra. Ana Maria nos explicou que a falta desses projetos acabaram atrasando a obra e sabemos o quanto a população espera esse conjunto habitacional”, completou.

A diretora também assegurou à comitiva dracenense que, caso a parte burocrática seja concluída até o final do mês de fevereiro, são grandes as chances da Caixa Econômica Federal liberar a verba e as obras começarem já no primeiro semestre de 2017.

Comentários



  • Regras para comentários

    Não serão aceitas as seguintes mensagens:

    Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;

    Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;

    Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;

    De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;

    Anônimas ou assinadas com e-mail falso;

    O Portal Regional:

    Não se responsabiliza pelos comentários dos internautas;

    Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;

    Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;

    Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.

Leia também