• domingo, 10 de dezembro de 2017
  • 22:23 Icone do tempo--ºC / --ºC

Internacional

6/3/2017 às 15h50

Trump assina novo decreto sobre imigração e Iraque sai da lista

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, assinou hoje (6)  uma nova versão do seu polêmico decreto sobre imigração que havia sido bloqueado pela justiça americana, diminuindo de sete para seis o número de países atingidos, com a retirada do Iraque da lista. As informações são da agência argentina Télam.

A versão corrigida do veto migratório seguirá proibindo temporalmente a entrada de refugiados e suspenderá a emissão de vistos para cidadãos do Irã, Somália, Iêmen, Líbia, Síria e Sudão, todos eles países de maioria muçulmana.

O novo decreto exclui os cidadãos do Iraque e os dos seis países afetados que tenham residência permanente nos EUA ou já estejam de posse de um visto, informou a conselheira presidencial, Kellyanne Conway à rede de TV americana Fox.

A asssessora de Trump assinalou ainda que na nova ordem executiva há "seis ou sete grandes pontos" que "esclarecem" quem será afetado e que os refugiados sírios "são tratados da mesma maneira que todos os refugiados".

No seu primeiro veto migratório, emitido em 27 de janeiro, Trump proibiu a entrada no país de todos os cidadãos de sete países de maioria muçulmana (Irã, Iraque, Somália, Yêmen, Líbia, Síria e Sudão) durante 90 dias e suspendia o programa de acolhida de refugiados durante 120 dias.

Comentários



  • Regras para comentários

    Não serão aceitas as seguintes mensagens:

    Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;

    Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;

    Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;

    De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;

    Anônimas ou assinadas com e-mail falso;

    O Portal Regional:

    Não se responsabiliza pelos comentários dos internautas;

    Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;

    Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;

    Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.

Leia também