• terça-feira, 21 de novembro de 2017
  • 10:00 Icone do tempo--ºC / --ºC

Agricultura

30/4/2017 às 04h36

Com melhora nos preços cultura do urucum expande na região

Preços pagos aos produtores chegou a subir 100% no ano passado, comparado a 2015, mas o aumento da área de plantio, pode acarretar na redução do preço neste ano, avalia empresário do setor

Cultura do urucum passa por um bom momento com falta do produto no mercado
 (Foto: Divulgação) Cultura do urucum passa por um bom momento com falta do produto no mercado (Foto: Divulgação)

A cultura do urucum vive um bom momento pela falta do produto no país. No ano passado, os preços para o produtor apresentaram uma alta de até 100% o que fez aumentar a área de plantio na região.

As cidades da região que mais se destacam na produção, são Monte Castelo e São João do Pau D´Alho. Monte Castelo é o maior produtor regional, com área de plantio de aproximadamente um mil hectares.

Segundo o engenheiro agrônomo da Casa da Agricultura de Monte Castelo, João Manoel Vicente, a previsão é aumentar a partir deste ano, em pelo menos 30% no município. Ele explica os motivos da valorização do produto.

“Na safra passada, houve a questão climática, faltou chuva e veio o frio, ocorrendo a queda da safra em 2016, resultando na reação dos preços no mercado”, esclarece o agrônomo. Normalmente, são duas safras do urucum no ano, a principal começa em julho e agosto e a safrinha, que geralmente ocorre em fevereiro.

“Apesar de haver produtores que preferem não plantar a safrinha para não prejudicar a colheita principal”, acrescenta Vicente. A produção do urucum começa a partir do primeiro ano do plantio e a partir do quarto ano, as safras começam a estabilizar.

O agrônomo explica ainda que a produção média por hectare da planta adulta, é de 1 mil a 1,2 mil quilos.

Em Monte Castelo, está sediada uma das principais empresas do ramo de urucum do estado e do país. O proprietário, Antônio Pereira Neves, reitera que o preço pago ao produtor reagiu no ano passado, em decorrência da redução da safra. “No momento está em falta, estamos importando o produto”, ressalta.

De acordo com Neves, a reação dos preços chegou a 100%. “Em 2015, foi pago ao produtor, R$ 5,50 em média (saca de 50 quilos) e em 2016, subiu para R$ 11”, esclarece. Ele explica que para a safra deste ano ainda não há um valor oficial dos preços de mercado, mas acredita que irão se acomodar, com uma queda, devido o aumento da área de plantio, conforme a lei da oferta e da procura.

Apesar de na avaliação do empresário a redução dos preços não deve chegar a 50% dos valores pagos em 2016, o que garante uma renda melhor ao produtor, comparado há dois anos.

De acordo com a Coordenadoria de Assistência Técnica e Integral (Cati), de Dracena, a área de plantio do urucum na região (16 municípios) é de aproximadamente 2,2 mil hectares e produção médica de 2,3 mil toneladas ao ano. Conforme a Cati, Monte Castelo e cidades vizinhas, como São João do Pau D´Alho é a maior região produtora de urucum no estado de São Paulo.

UTILIZAÇÃO- Na prática o urucum, ou colorau, é um corante natural utilizado em pelo menos 90% dos alimentos industrializados em geral. Está presente desde as carnes, massas, sorvetes, macarrão e é usado inclusive como medicamentos.

Comentários



  • Regras para comentários

    Não serão aceitas as seguintes mensagens:

    Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;

    Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;

    Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;

    De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;

    Anônimas ou assinadas com e-mail falso;

    O Portal Regional:

    Não se responsabiliza pelos comentários dos internautas;

    Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;

    Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;

    Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.

Leia também