• terça-feira, 22 de agosto de 2017
  • 15:43 Icone do tempo--ºC / --ºC

Cidade

3/8/2017 às 03h47

Prefeitura intensifica combate aos pernilongos com uso de veneno

O projeto busca eliminar focos de pernilongos que são comuns nesta época do ano, devido ao tempo seco

A Prefeitura de Dracena está intensificando a ação para eliminar focos de pernilongos no município (Foto: Assessoria de Comunicação) A Prefeitura de Dracena está intensificando a ação para eliminar focos de pernilongos no município (Foto: Assessoria de Comunicação)

A Prefeitura de Dracena, através das Secretarias Municipais de Agricultura e Meio Ambiente e Saúde e Higiene Pública, está intensificando a ação para eliminar focos de pernilongos no município, que são comuns nesta época do ano, devido ao tempo seco.

O veneno, um larvacida biológico autorizado pela Secretaria de Saúde, contem duas bases, uma que mata a larva e outra que atinge o pernilongo, e é aplicado em bueiros, bocas de lobo e mananciais do município.

Até o momento a ação já foi realizada nos bairros: Jardim das Palmeiras (I, II, III e IV); Jardim Kennedy; Jardim Brasilândia; Vila Barros; Tonico André; e nas proximidades do Eldorado; Cemitério; Torre da Rádio Regional; ‘Água Sumida’; Ferro Velho João de Deus; ‘Ponte Torta’; ABD; e Fapidra.

“Estamos sempre verificando se os buracos têm larvas, mas com foco ou não ele é tratado. É muito comum encontrar larvas do mosquito nesses lugares, mas apenas o tratamento não adianta, a informação é ainda mais importante e grande parte da prevenção está nas mãos da própria população, que precisa se conscientizar de seus deveres”, declarou o vice-prefeito e secretário municipal de Agricultura e Meio Ambiente, Moisés Antônio de Lima.

"O ideal para o controle do mosquito é a integração das responsabilidades. Em primeiro lugar as pessoas precisam saber que não pode jogar o lixo na rua, depois vem o trabalho de limpeza da Prefeitura. É necessário que os agentes usem biolarvicidas nesses bueiros, que evitam que o ciclo evolua até a pupa (estado pré-larva do mosquito)”, complementou Lígia Sinatura, secretária de Saúde e Higiene Pública.

Comentários



  • Regras para comentários

    Não serão aceitas as seguintes mensagens:

    Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;

    Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;

    Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;

    De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;

    Anônimas ou assinadas com e-mail falso;

    O Portal Regional:

    Não se responsabiliza pelos comentários dos internautas;

    Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;

    Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;

    Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.

Leia também