• sexta-feira, 15 de dezembro de 2017
  • 17:39 Icone do tempo--ºC / --ºC

Cotidiano

7/8/2017 às 15h40

Mulher morre após ser esfaqueada pelo ex-marido em Taciba

Crime ocorreu na residência da própria vítima, no Jardim Bela Vista. Homem foi agredido por um popular e levado para o Hospital Regional (HR).

Uma mulher de 43 anos morreu após ser esfaqueada pelo ex-marido por volta das 23h deste domingo (6), no Jardim Bela Vista, em Taciba. De acordo com informações da Polícia Militar, o crime ocorreu na residência da própria vítima, que foi atingida no pescoço.

A mulher chegou a ser socorrida e levada para o Hospital Regional (HR), em Presidente Prudente, ainda com vida, mas não resistiu aos ferimentos. O ex-marido, de 47 anos, também foi encaminhado à unidade de saúde, pois foi agredido por um popular com uma faca, causando-lhe ferimentos em um dos braços e em uma perna, conforme a PM.

Ele está escoltado por policiais no hospital e ficará à disposição da Justiça após receber alta, ainda segundo as informações da corporação.

Violência contra a mulher

No dia 30 de julho, um homem de 53 anos matou a ex-mulher, na Vila Esperança, em Osvaldo Cruz. De acordo com informações da Polícia Militar, a vítima, de 47 anos, foi atingida por 15 facadas. Segundo a PM, o homem invadiu a casa da ex-companheira e iniciou uma discussão. Ele foi embora para sua casa, mas voltou em seguida com uma faca e golpeou a ex-mulher.

Já no dia 1º de agosto, uma mulher de 18 anos foi agredida pelo ex-companheiro com golpes de faca e cabo de vassoura, na Vila São Paulo, em Teodoro Sampaio. A vítima foi socorrida inconsciente e levada para o Hospital Regional, na mesma cidade, com várias lesões no corpo.

Uma medida protetiva expedida pela Justiça no mês de maio determinava que o agressor mantivesse distância da mulher, conforme informações da Polícia Civil

 

 

Comentários



  • Regras para comentários

    Não serão aceitas as seguintes mensagens:

    Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;

    Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;

    Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;

    De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;

    Anônimas ou assinadas com e-mail falso;

    O Portal Regional:

    Não se responsabiliza pelos comentários dos internautas;

    Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;

    Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;

    Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.

Leia também