• terça-feira, 19 de setembro de 2017
  • 15:46 Icone do tempo--ºC / --ºC

Meio Ambiente

5/9/2017 às 18h43

PM Ambiental multa homem em R$ 21,6 mil pelo corte de 72 árvores nativas em Junqueirópolis

A Corporação realizou o flagrante na segunda-feira, 4, após patrulha rural e ambiental constatar em um sítio da cidade; autuado não tinha permissão do órgão ambiental competente para realizar o corte

Setenta e duas árvores nativas foram cortadas em um sítio localizado em Junqueirópolis
 (Foto: Cedida/PM Ambiental) Setenta e duas árvores nativas foram cortadas em um sítio localizado em Junqueirópolis (Foto: Cedida/PM Ambiental)

A Polícia Militar Ambiental elaborou um Auto de Infração Ambiental (AIA), com multa simples no valor de R$ 21,6 mil a um sitiante residente na cidade de Junqueirópolis por cortar árvores nativas sem autorização do órgão competente ambiental.

Conforme a Corporação, em patrulha rural e ambiental pela zona rural de Junqueirópolis, foi realizada a vistoria em um sítio no qual foi constatado o corte seletivo de 61 árvores nativas da espécie Amendoim Bravo em estágio inicial de regeneração e de 11 árvores nativas da mesma espécie, sem autorização do órgão ambiental competente.

Segundo a Ambiental, foi lavrado o Auto de Infração Ambiental com valor da multa em R$ 21,6 mil por explorar qualquer tipo de vegetação nativa correspondente ao total de 72 árvores nativas, mediante o corte isolado e seletivo, localizada fora de reserva legal averbada de domínio privado sem aprovação prévia do órgão ambiental competente.

O art.53 da Resolução da Secretaria do Meio Ambiente (SMA) 48/2014 prevê multa de R$ 300 por unidade. Ainda conforme a PM Ambiental, a madeira cerca de 6m³ foi apreendida e ficou depositada no local.

Outras Imagens:

  •  (Foto: Cedida/PM Ambiental)

Comentários



  • Regras para comentários

    Não serão aceitas as seguintes mensagens:

    Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;

    Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;

    Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;

    De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;

    Anônimas ou assinadas com e-mail falso;

    O Portal Regional:

    Não se responsabiliza pelos comentários dos internautas;

    Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;

    Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;

    Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.

Leia também