• segunda-feira, 20 de novembro de 2017
  • 04:07 Icone do tempo--ºC / --ºC

Internacional

8/9/2017 às 11h31

Rússia anuncia morte do ministro de Guerra do Estado Islâmico

O Ministério de Defesa da Rússia anunciou nesta sexta-feira (8) a morte do ministro de Guerra do Estado Islâmico (EI), Gulmurod Khalimov, em um bombardeio da aviação russa à cidade síria de Deir al Zor, ação na qual foram mortos cerca de 40 jihadistas. As informações são da agência EFE.

O ataque aéreo, segundo o comunicado da Defesa, destruiu um centro de comunicações e um posto de comando subterrâneo onde estavam reunidos vários líderes do EI.

"Estabeleceu-se que na reunião se encontrava o ministro de Guerra da organização terrorista internacional Estado Islâmico, que morreu devido a um ferimento", acrescentou a nota.

Segundo a Defesa, no bombardeio morreu também o emir de Deir al Zor, o saudita Abu Muhammad al Shimali, considerado um dos líderes do EI e por cuja captura os Estados Unidos ofereceram em 2015 uma recompensa de US$ 5 milhões.

Khalimov era chefe das forças especiais da Polícia da antiga república soviética do Tadjiquistão quando desertou em abril de 2015 para anunciar um mês mais tarde a sua incorporação ao EI em um vídeo divulgado pela organização terrorista.

Nesse vídeo, o ex-chefe de Polícia convoca os homens das forças de segurança e os emigrantes tadjiques em países como Rússia a pegar as armas.

Comentários



  • Regras para comentários

    Não serão aceitas as seguintes mensagens:

    Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;

    Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;

    Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;

    De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;

    Anônimas ou assinadas com e-mail falso;

    O Portal Regional:

    Não se responsabiliza pelos comentários dos internautas;

    Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;

    Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;

    Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.

Leia também