• sábado, 18 de novembro de 2017
  • 17:08 Icone do tempo--ºC / --ºC

Polícia

11/9/2017 às 15h22

Ladrão é morto a tiro por proprietário de drogaria após furto em Presidente Prudente

Bandido levou um tiro após furtar a farmácia, em Presidente Prudente  (Foto: Júnior Paschoalotto/TV Fronteira) Bandido levou um tiro após furtar a farmácia, em Presidente Prudente (Foto: Júnior Paschoalotto/TV Fronteira)

Um homem morreu após levar um tiro no abdômen na noite deste domingo (10), no Jardim Jequitibás, em Presidente Prudente. De acordo com o Boletim de Ocorrência, ele furtou uma drogaria e, ao sair do local, foi surpreendido pelo proprietário, que efetuou um disparo com uma pistola de calibre 380. O ladrão chegou a ser socorrido e levado para o Hospital Regional (HR), em Presidente Prudente, mas não resistiu aos ferimentos.

Segundo o documento, uma equipe da Polícia Militar foi acionada para atender uma ocorrência de furto em estabelecimento comercial, onde uma pessoa havia sido atingida por tiro. Ao chegarem em frente à drogaria, os militares encontraram o bandido caído em via pública com um ferimento no abdômen. O indivíduo já era conhecido no meio policial pela prática de diversos furtos, conforme o boletim.

No local, também estava o autor do disparo, um comerciante, que portava uma arma de fogo, a qual foi colocada no chão após determinação dos militares. De acordo com o registro, os policiais observaram no chão um projétil intacto da arma, vários produtos de higiene e suplemento alimentar. Parte da porta do estabelecimento estava estourada.

O comerciante alegou que é dono da drogaria e mora ao lado do estabelecimento, e na noite deste domingo (10) percebeu um barulho vindo do comércio, ocasião em que foi avisado por sua esposa de que alguém teria estourado a porta de vidro e estaria roubando a drogaria, segundo a ocorrência.

Diante disso, o proprietário pegou a arma e foi verificar o que estava ocorrendo, quando encontrou o bandido saindo da farmácia com vários objetos.

Com a arma apontada para o criminoso, o comerciante determinou que o mesmo parasse imediatamente, porém, ele não atendeu ao pedido e ainda colocou uma das mãos sob a camiseta, fazendo menção de estar armado, conforme o documento.

Comentários



  • Regras para comentários

    Não serão aceitas as seguintes mensagens:

    Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;

    Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;

    Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;

    De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;

    Anônimas ou assinadas com e-mail falso;

    O Portal Regional:

    Não se responsabiliza pelos comentários dos internautas;

    Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;

    Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;

    Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.

Leia também