• segunda-feira, 20 de novembro de 2017
  • 13:04 Icone do tempo--ºC / --ºC

Bairro

13/9/2017 às 02h42

Morador de Dracena reclama de entulho acumulado no acostamento da estrada Mário Covas

Pela terceira vez neste ano, o morador entra em contato com o Jornal Regional para relatar a situação do local; restos de lixo orgânico, galhos de árvores e até móveis velhos encontravam-se descartados de maneira incorreta

A reportagem do JR flagrou na tarde de ontem, 12, a caçamba da prefeitura disponibilizada no local e o depósito de entulho todo queimado 
 (Foto: Carlos Volpi/JR) A reportagem do JR flagrou na tarde de ontem, 12, a caçamba da prefeitura disponibilizada no local e o depósito de entulho todo queimado (Foto: Carlos Volpi/JR)

Morador de Dracena entrou em contato com a reportagem do Jornal Regional, por meio do aplicativo WhatsApp, para reclamar do entulho acumulado no acostamento da estrada Mário Covas, que liga Dracena a Pousada Bom Samaritano e também ao município de Junqueirópolis.

Neste ano, é a terceira vez que o denunciante entra em contato com o JR para relatar a situação do local. Nos outros dois contatos anteriores, o mesmo reclamou de lixo descartado de forma irregular no acostamento e fora da caçamba (da prefeitura de Dracena) disponibilizada na curva de entrada da estada Mário Covas para a população fazer o descarte correto.

Na época, o munícipe pediu até a retirada da caçamba do local uma vez que se encontrava lixo espalhado pelo local, descartado pela própria população, sendo que a cidade possui aterro sanitário, mas o secretário da Agricultura e Meio Ambiente, Moisés Antônio de Lima, disse que a caçamba da prefeitura iria permanecer no local assim como outras espalhadas em vários pontos da cidade e ressaltou a conscientização dos moradores, para fazer o descarte do lixo de maneira correta.

Desta vez, o munícipe entrou em contato para reclamar que na mesma estrada encontra-se um depósito de entulho misturado com lixo orgânico, galhos de árvores e até móveis velhos há um tempo, a 300 metros do lugar onde ficava localizada a caçamba da prefeitura e 20 metros de um condomínio.

Segundo o morador, a caçamba da prefeitura permanece no local e de vez em quando é retirada para descartar o lixo no local apropriado, mas segundo o munícipe, a população insiste em descartar de forma incorreta no local.

A reportagem do JR flagrou na tarde de ontem, 12, a caçamba da prefeitura disponibilizada no local e o depósito de entulho de lixo toda queimada, tendo área próxima à linha férrea com árvores queimadas também.

MUNICIPALIDADE

A reportagem entrou em contato com o secretário da Agricultura e Meio Ambiente, Moisés Antônio de Lima que informou que a caçamba da prefeitura foi retirada da curva de entrada da estrada Mário Covas, devido a pedidos de moradores da localidade, por causa do mau cheiro de animais mortos uma vez que, segundo ele, a população acaba depositando na caçamba junto com o restante do lixo.

Ainda segundo o secretário, a caçamba foi deslocada mais para baixo do acostamento da estrada devido a esse motivo e que funcionários da pasta passam recolhendo a caçamba cheia ao menos três vezes na semana, e outra é disponibilizada.

De acordo com Moisés, o lixo orgânico é levado para o aterro sanitário e galhos são levados para o Recinto da Fapidra, para serem moídos.

Questionado se a caçamba iria permanecer no local, Moisés disse que irá permanecer e pediu a colaboração e conscientização da população para fazer o descarte correto na caçamba e não jogar para fora, na beira do acostamento da estrada.

Outras Imagens:

  •  (Foto: Divulgação/Whatsapp)

Comentários



  • Regras para comentários

    Não serão aceitas as seguintes mensagens:

    Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;

    Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;

    Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;

    De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;

    Anônimas ou assinadas com e-mail falso;

    O Portal Regional:

    Não se responsabiliza pelos comentários dos internautas;

    Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;

    Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;

    Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.

Leia também