• quinta-feira, 26 de abril de 2018
  • 18:00 Icone do tempo--ºC / --ºC

Turismo

27/9/2017 às 13h10

Ladakh: conheça região budista no Himalaia indiano em 30 fotos

Região tem estradas a mais a mais de 5 mil metros de altitude e grandes lagos de águas cristalina. G1 percorreu 1.000 km em roteiro de moto.

Camponês leva rebanho ao lado do lago Pangong Tso, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto/G1) Camponês leva rebanho ao lado do lago Pangong Tso, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto/G1)

G1 percorreu 1.000 km pelo Himalaia, a famosa cordilheira que passa por 5 países e onde está a montanha mais alta do mundo, o Everest, localizado entre o Nepal e a China.

A jornada foi em outra parte da cadeia de montanhas, a indiana, cruzando estradas da região de Ladakh, com mais de 5 mil metros de altitude, belas paisagens e beirando precipícios.

 

 
Camponês leva rebanho ao lado do lago Pangong Tso, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

Camponês leva rebanho ao lado do lago Pangong Tso, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Kyogar Tso, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

Kyogar Tso, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Monastério de Spituk, em Leh, reúne hindus e budistas (Foto: Rafael Miotto / G1)

Monastério de Spituk, em Leh, reúne hindus e budistas (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Pangong Tso está a 4.200 metros de altitude (Foto: Rafael Miotto / G1)

Pangong Tso está a 4.200 metros de altitude (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Assentamento tibetano de Sumdo, em Ladakh (Foto: Rafael Miotto / G1)

Assentamento tibetano de Sumdo, em Ladakh (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Moradores de Ladakh, próximos ao lago Tso Moriri (Foto: Rafael Miotto / G1)

Moradores de Ladakh, próximos ao lago Tso Moriri (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
 
Iaques pastam na descida do passo de Chang La, em Ladakh (Foto: Rafael Miotto / G1)

Iaques pastam na descida do passo de Chang La, em Ladakh (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Monastério budista com mais de 300 anos em Karzok, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

Monastério budista com mais de 300 anos em Karzok, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Monge limpa chão do templo de Karzok, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

Monge limpa chão do templo de Karzok, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
 
Vaca anda pelas ruas do centro de Leh, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

Vaca anda pelas ruas do centro de Leh, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Maioria da população de Ladakh é budista (Foto: Rafael Miotto / G1)

Maioria da população de Ladakh é budista (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Mercado central de Leh tem alimentos orgânicos (Foto: Rafael Miotto / G1)

Mercado central de Leh tem alimentos orgânicos (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Feirinha de alimentos orgânicos no centro de Leh, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

Feirinha de alimentos orgânicos no centro de Leh, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Leh, na Índia, fica a 3.500 metros de altitude (Foto: Rafale Miotto / G1)

Leh, na Índia, fica a 3.500 metros de altitude (Foto: Rafale Miotto / G1)

 
Palácio de Leh, feito no século XVII, fica em encosta no alto da cidade (Foto: Rafael Miotto / G1)

Palácio de Leh, feito no século XVII, fica em encosta no alto da cidade (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Monastério de Spituk fica a 8 km do centro de Leh, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

Monastério de Spituk fica a 8 km do centro de Leh, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Khardung La é uam das estradas mais altas do mundo, a 5.602 metros de altitude (Foto: Rafael Miotto / G1)

Khardung La é uam das estradas mais altas do mundo, a 5.602 metros de altitude (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Estátua de Buda no vilarejo de Karzok, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

Estátua de Buda no vilarejo de Karzok, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Maior parte da comida em Ladakh é vegetariana (Foto: Rafael Miotto / G1)

Maior parte da comida em Ladakh é vegetariana (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
 
Lago Kyagar Tso, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

Lago Kyagar Tso, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Assentamento tibetano de Sumdo, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

Assentamento tibetano de Sumdo, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Amanhecer no Tso Moriri, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

Amanhecer no Tso Moriri, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Hindus no monastério de Spituk, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

Hindus no monastério de Spituk, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Soldados no exército indiano no lago Tso Kar, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

Soldados no exército indiano no lago Tso Kar, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Região do lago Tso Kar, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

Região do lago Tso Kar, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Caminho para o Pangong Tso, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

Caminho para o Pangong Tso, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Jovem morador de Ladakh, no Pangong Tso, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

Jovem morador de Ladakh, no Pangong Tso, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Khardung La, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

Khardung La, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

 
Kyagar Tso, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

Kyagar Tso, em Ladakh, na Índia (Foto: Rafael Miotto / G1)

Comentários



  • Regras para comentários

    Não serão aceitas as seguintes mensagens:

    Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;

    Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;

    Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;

    De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;

    Anônimas ou assinadas com e-mail falso;

    O Portal Regional:

    Não se responsabiliza pelos comentários dos internautas;

    Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;

    Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;

    Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.

Leia também