• quarta-feira, 17 de outubro de 2018
  • 04:16 Icone do tempo--ºC / --ºC

Internacional

6/1/2018 às 12h17

EUA pedem US$ 18 bilhões ao Congresso para construir muro com México

O governo dos Estados Unidos pediu ao Congresso US$ 18 bilhões para o muro na fronteira com o México como uma das condições na negociação de uma solução migratória para os jovens indocumentados conhecidos como "sonhadores".

O anúncio foi feito pelo líder negociador democrata, o senador Dick Durbin, pouco depois que o jornal Wall Street Journal revelou com exclusividade os detalhes sobre a proposta.

De acordo com o senador, a Casa Branca acrescentou hoje (6) à sua lista de condições para a negociação migratória uma petição "de US$ 18 bilhões em fundos para a construção do muro na fronteira".

"É indignante que a Casa Branca mine meses de trabalho bipartidário tentando novamente colocar toda sua lista inteira de desejos de linha dura contra os imigrantes, além de US$ 18 bilhões em fundos para o muro, nas costas destes jovens", afirmou Durbin.

"O presidente Trump disse que talvez necessite de um bom fechamento do governo para conseguir seu muro. Com esta petição, parece caminhar nessa direção", acrescentou.

Financiamento

"O muro da fronteira deve ser financiado completamente pelo Congresso, mas as outras prioridades, como melhorar as medidas para fazer cumprir as leis de imigração e um sistema migratório baseado no mérito, devem ser parte de um pacote de reforma migratória maior", disse uma fonte do governo, à Agência de notícias EFE.

Em setembro do ano passado, Trump anunciou o fim do programa Daca, promovido pelo ex-presidente Barack Obama em 2012, e que protegia da deportação os jovens que chegaram ao país ainda crianças, mas deu ao Congresso até o próximo dia 5 de março para encontrar uma solução para a situação.

Comentários



  • Regras para comentários

    Não serão aceitas as seguintes mensagens:

    Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;

    Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;

    Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;

    De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;

    Anônimas ou assinadas com e-mail falso;

    O Portal Regional:

    Não se responsabiliza pelos comentários dos internautas;

    Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;

    Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;

    Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.

Leia também