• terça-feira, 16 de janeiro de 2018
  • 18:51 Icone do tempo--ºC / --ºC

cidade

9/1/2018 às 04h16

Missa pelos 50 anos da fundação da igreja reúne centenas de fiéis

A celebração religiosa que marcou os 50 anos de instalação foi presidida pelo pároco Wilson Luís Ramos

Centenas de fiéis participaram da missa de comemoração dos 50 anos de fundação da igreja Nossa Senhora de Fátima (Foto: Divulgação/Facebook) Centenas de fiéis participaram da missa de comemoração dos 50 anos de fundação da igreja Nossa Senhora de Fátima (Foto: Divulgação/Facebook)

Centenas de fiéis lotaram os bancos do Santuário Diocesano Nossa Senhora de Fátima e se emocionaram com a missa do jubileu de ouro, presidida pelo pároco Wilson Luís Ramos, na noite de domingo, 7.

A missa durou quase três horas e marcou os 50 anos de instalação da igreja na Vila Barros, em Dracena.

A igreja foi fundada em 6 de janeiro de 1968, e antes de se tornar Santuário foi capela e paróquia.

O primeiro padre ordenado para a paróquia Nossa Senhora de Fátima foi Achiles Paceli, em 1968.

Estava previsto a presença e celebração do pároco Achiles para a missa do jubileu de ouro, no entanto, ele pediu desculpa pelo não comparecimento, porque mora longe de Dracena. Agradeceu ao padre Wilson e a todos fiéis da comunidade, por meio de um cartão enviado e lido durante a missa, sobre a sua contribuição dos serviços prestados a comunidade.

Durante a celebração católica foram feitas diversas homenagens com várias pessoas da comunidade que contribuíram e que ainda contribuem nos serviços prestados perante as pastorais e ministérios.

O momento ápice da comemoração foi a entrada da primeira imagem de Fátima na igreja, carregada por Cleusa Maria RossetoBorghi. Cleusa, aos 7 anos de idade participou da procissão carregando a mesma imagem de Fátima na sua primeira comunhão em 1959. Ela relembrou à reportagem do JR que se vestiu de anjo e carregou a santa doada por freis da igreja Matriz Nossa Senhora Aparecidaaté a capela de Nossa Senhora de Fátima, na época de madeira.

Desde o início da fundação da igreja na Vila Barros ela prestou serviços à igreja junto à comunidade, como catequista e nas pastorais. 

“Foi o maior presente da minha vida, foi uma emoção muito grande”, disse Cleusa ao entrar com a imagem de Fátima doada há cinquenta anos para a igreja hoje Santuário.

Após o encerramento da missa, foi mostrado vídeo comemorativo com vários depoimentos daqueles que contribuíram e que ainda colaboram com o Santuário e, servido bolo de dois metros.

 

 

Outras Imagens:

  •  (Foto: Divulgação/Facebook)

Comentários



  • Regras para comentários

    Não serão aceitas as seguintes mensagens:

    Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;

    Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;

    Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;

    De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;

    Anônimas ou assinadas com e-mail falso;

    O Portal Regional:

    Não se responsabiliza pelos comentários dos internautas;

    Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;

    Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;

    Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.

Leia também