• quinta-feira, 18 de janeiro de 2018
  • 19:21 Icone do tempo--ºC / --ºC

Segurança

13/1/2018 às 09h26

Apreensões de entorpecentes avançam gigantescamente de 2016 para 2017 na área da Seccional de Dracena

Dados da Secretaria de Segurança Pública do Estado apontam que aumentaram as apreensões de drogas como maconha, cocaína e crack. Em 2016 foram apreendidos pouco mais de 106 quilos de maconha. Já no ano que passou foram mais de duas toneladas

Entre uma das grandes apreensões de droga feitas no ano passado pela Polícia Civil de Dracena foi de quase dez quilos de cocaína em uma estrada municipal da região

 (Foto:  Cedida/Polícia Civil ) Entre uma das grandes apreensões de droga feitas no ano passado pela Polícia Civil de Dracena foi de quase dez quilos de cocaína em uma estrada municipal da região (Foto: Cedida/Polícia Civil )

As apreensões de drogas na área de abrangência da Delegacia Seccional da Polícia Civil de Dracena, cuja área territorial compreende desde o município de Junqueirópolis até Panorama, avançaram gigantescamente no ano que passou. Os dados apresentados ao Jornal Regional pela Secretaria de Segurança Pública do Estado mostram um comparativo entre os anos de 2016 e 2017.

O delegado de polícia Alexandre Luengo,  atribuiu a intensificação e rigor da fiscalização por parte das Polícias Civil, Militar e Rodoviária, como um dos motivos para ter obtido números maiores de apreensões. “Observamos um aumento significativo nas apreensões de drogas nas rodovias da região, em ações desenvolvidas, na sua maioria, pelas polícias Militar e Rodoviária. Do mesmo modo a Polícia Civil também realizou ações que culminaram na apreensão de grande quantidade de drogas, dentre elas, a apreensão de quase dez quilos de cocaína em uma estrada municipal da região. Destacamos o trabalho de inteligência desenvolvido pela Polícia, o que permitiu o êxito nestas ações”.

Segundo o delegado Luengo, o que pode ser considerado positivo nisso é que 90% dessa droga que passa pela rota regional não permanece em Dracena ou nos municípios vizinhos.

“As apreensões de droga aumentaram, porém, o consumo em nossa região não seguiu esta mesma proporção. As Polícias, após a realização de levantamentos, vêm mapeando pontos de consumo e comercialização de drogas em nossa cidade e região e, rotineiramente, realizam ações que possibilitam a apreensão de drogas e a prisão de traficantes. Todavia, as grandes apreensões de drogas realizadas nas estradas sempre foram relacionadas a indivíduos que não residem em nossa cidade, evidenciando-se que as remessas tinham como destinos grandes centros”.

OS NÚMEROS - O balanço da Polícia Civil de Dracena indicou que em 2016 foram apreendidos 106,179 (quilos de maconha). Em relação à cocaína foram 38,802 (quilos); já quanto ao crack foram apreendidos 1,340 gramas.

No ano que passou a quantidade de maconha apreendida foi de 2,448,740 (toneladas); 82,729 quilos de cocaína e 2,321 de crack.

 

ESTRADAS

Base da PM Rodoviária de Adamantina fiscaliza 347 km

A base da PM Rodoviária foi desativada em Dracena em dezembro no ano de 2013, passando a atender em Adamantina. O efetivo da base em Adamantina é responsável pela fiscalização de 347 quilômetros, sendo as rodovias Assis Chateaubriand (SP 425); Comandante João Ribeiro de Barros (SP 294); General Euclides de Oliveira Figueiredo (SP 563); Julio Budiski  (SP 501),além de 23 acessos. A informação é do setor de comunicação social do 2º BPRv.

A proximidade da região com o Paraguai, principalmente após a abertura da ponte em Paulicéia, reforça ainda mais a facilidade do escoamento das drogas. Após o posto da Polícia Rodoviária Federal em Três Lagoas (MS) haverá policiamento fixo da PM Rodoviária apenas em Adamantina, já no Estado de São Paulo.

O 2º BPRv informou ainda que da cidade de Adamantina o usuário da rodovia que tem destino ao Mato Grosso do Sul poderá optar em seguir pela Rodovia SP 294 até o município de Paulicéia, perfazendo um percurso de 100 km.

Se o destino for à cidade de Três Lagoas, no mesmo Estado, o usuário poderá seguir pela Rodovia SP 294 até a Rodovia SP 563, onde por esta seguirá até a SP 300 Rod. Marechal Rondon, onde então irá sentido MS, perfazendo 160 km, aproximadamente.

O Batalhão ressaltou que a Polícia Militar Rodoviária mantém diuturnamente policiamento em todo o trecho das rodovias acima mencionadas, sendo assim, o usuário que necessitar de qualquer atendimento destas equipes poderá fazê-lo através do telefone 190.

Comentários



  • Regras para comentários

    Não serão aceitas as seguintes mensagens:

    Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;

    Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;

    Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;

    De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;

    Anônimas ou assinadas com e-mail falso;

    O Portal Regional:

    Não se responsabiliza pelos comentários dos internautas;

    Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;

    Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;

    Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.

Leia também