• sexta-feira, 21 de setembro de 2018
  • 08:44 Icone do tempo--ºC / --ºC

Governo

31/1/2018 às 03h39

Alckmin libera R$ 86,9 milhões para 2.485 moradias em 34 municípios

A região de Prudente terá 375 unidades, municípios de Adamantina, Ouro Verde e São João do Pau D’ Alho são contemplados

O secretário estadual da Habitação Rodrigo Garcia participou da cerimônia juntamente com o governador Geraldo Alckmin e o Ministro das Cidades, Alexandre Baldy (Foto: Assessoria) O secretário estadual da Habitação Rodrigo Garcia participou da cerimônia juntamente com o governador Geraldo Alckmin e o Ministro das Cidades, Alexandre Baldy (Foto: Assessoria)

O governador Geraldo Alckmin assinou convênio com o Ministério das Cidades, ontem, 29, para construção de 2.485 moradias em 34 municípios. Os empreendimentos serão resultado de parceria entre municípios, que doaram terrenos e indicarão as demandas a serem atendidas; Estado, que fará aporte de R$ 86,9 milhões por meio da Agência Casa Paulista; e União, que destinará os recursos do Minha Casa, Minha Vida, dentro das regras do FAR e conforme o porte de cada município.

A cerimônia contou com a presença do governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, do Ministro das Cidades, Alexandre Baldy, e do secretário estadual da Habitação, Rodrigo Garcia. 

A região de Presidente Prudente será contemplada com 375 unidades habitacionais em cinco cidades: Adamantina (45 unidades habitacionais); Narandiba (100); Ouro Verde (100), Piquerobi (80) e São João do Pau d’Alho (50).

MORAR BEM, VIVER MELHOR – Reúne todas as ações e investimentos em habitação, como infraestrutura, urbanização, requalificação, acessibilidade, qualidade das construções e equipamentos, cuidados com o meio ambiente e qualidade de vida para as famílias atendidas.

PARCERIA – Em janeiro de 2012 o Governo do Estado selou parceria com o Governo Federal para a viabilização de mais 100 mil novas moradias no estado paulista, meta superada em dezembro de 2014. O acordo é executado pela Casa Paulista, agência de fomento habitacional lançada pelo governador Geraldo Alckmin em setembro de 2011, e pelo Programa Minha Casa, Minha Vida. Os agentes financeiros executores são a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil.

CASA PAULISTA – A Agência Casa Paulista foi criada em setembro de 2011 pelo Governo do Estado de São Paulo, para fomentar a habitação de interesse popular e acelerar o atendimento à demanda habitacional em território paulista. Classificada como marco substancial de mudança na política habitacional em São Paulo, estabelece parcerias, capta recursos junto a governos, agentes financeiros e iniciativa privada e destina subsídios e microcréditos para viabilizar ou melhorar as condições de moradias para famílias de baixa renda, especialmente entre um a cinco salários mínimos.

 

Comentários



  • Regras para comentários

    Não serão aceitas as seguintes mensagens:

    Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;

    Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;

    Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;

    De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;

    Anônimas ou assinadas com e-mail falso;

    O Portal Regional:

    Não se responsabiliza pelos comentários dos internautas;

    Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;

    Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;

    Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.

Leia também