• sábado, 26 de maio de 2018
  • 11:05 Icone do tempo--ºC / --ºC

Educação

11/5/2018 às 17h11

Sec. de Educação de Dracena promove ações de conscientização de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual

 (Foto: Secretaria de Educação) (Foto: Secretaria de Educação)

Dia 18 de maio é o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes e durante todo o mês, a Prefeitura de Dracena, por meio da Secretaria Municipal de Educação, está promovendo diversas ações e palestras aos professores da Rede para que haja conscientização e discussão do tema.

No início da semana a Rede contou com a riquíssima contribuição da advogada Dra. Margarete Lopes e do promotor Dr. Daniel Magalhães, que explanaram sobre o assunto e esclareceram diversas dúvidas, em um evento realizado no auditório do SENAI, em Dracena.

Também participaram a Secretária Municipal de Educação, Prof.ª Ms. Vanessa Redígolo Castilho; a Secretária Municipal de Assuntos Jurídicos, Dra. Alessandra Scarpini Alves; e professores e equipe multidisciplinar da Rede Municipal.

“Temos que incentivar a campanha, formar multiplicadores desta ação para que através dela possamos alertar e convocar a sociedade a participar dessa luta de prevenção e combate a violência sexual contra crianças e adolescentes, que é tão comum acontecer e ninguém está livre de ser atingido por essa situação”, destacou a Secretária Vanessa.

18 de maio

Com o objetivo de mobilizar a sociedade brasileira e convocá-la para o engajamento contra a violação dos direitos sexuais de crianças e adolescentes, 18 de maio foi estabelecido como o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

A melhor maneira de se combater a violência sexual contra crianças e adolescentes é a prevenção. É necessário um trabalho informativo junto aos pais e responsáveis, a sensibilização da população em geral, e dos profissionais das áreas de educação e jurídica, com a identificação de crianças e adolescentes em situação de risco, e o acompanhamento da vítima e do agressor. 

Denuncie

Além da prevenção, o combate a essa realidade exige que os casos sejam denunciados. Portanto, se souber de algum caso de violência sexual infantil, procure o conselho tutelar, delegacias especializadas, polícias militar, federal ou rodoviária e ligue para o Disque Denúncia Nacional, de número 100. 

Outras Imagens:

  •  (Foto: Secretaria de Educação)
  •  (Foto: Secretaria de Educação)
  •  (Foto: Secretaria de Educação)
  •  (Foto: Assessoria de Comunicação)

Comentários



  • Regras para comentários

    Não serão aceitas as seguintes mensagens:

    Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;

    Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;

    Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;

    De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;

    Anônimas ou assinadas com e-mail falso;

    O Portal Regional:

    Não se responsabiliza pelos comentários dos internautas;

    Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;

    Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;

    Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.

Leia também