Prefeito Hélio Furini e o diretor de Educação Henrique Rossi (Ass. Prefeitura)

O Centro de Liderança Pública (CLP), em parceria com o Instituto Península, Fundação Roberto Marinho e Fundação Lemann, anunciou terça-feira, 26, os resultados da terceira edição do Índice de Oportunidades da Educação Brasileira 2019 – IOEB, estudo que se propõe a apresentar os municípios e estados que oferecem as melhores oportunidades de educação para crianças e adolescentes.

No topo do ranking nacional nesta terceira edição, a cidade de Sobral no estado do Ceará se manteve na primeira posição, com nota 6,6 (de zero a 10).

O município de Junqueirópolis alcançou a nota 5,7 superando os consecutivos 5,6 de 2017 e  2015, ficando em 1º  lugar na região Oeste de São Paulo,  5º do Estado e 23º no ranking brasileiro, no Índice de Oportunidades da Educação Brasileira, o IOEB, que aponta a situação da educação nos estados e municípios brasileiros, tendo em vista o aperfeiçoamento educacional.

Para o estudo, que está em sua terceira edição, foi levado em conta os indicadores, como qualidade dos professores, experiência dos diretores, tempo de jornada na escola das crianças e taxa de atendimento na educação infantil.

O estudo identifica e oferece oportunidades que servem de inspirações a outros gestores educacionais.

Sobre a ótima classificação no Estado e no ranking brasileiro, destacado pelo Índice de Oportunidades da Educação Brasileira, o IOEB, o prefeito Hélio Furini destacou mais uma vez: ”A adoção de medidas corretas de políticas públicas na área da Educação, fez com que Junqueirópolis se concretizasse ao longo dos anos entre as principais cidades com excelência na Educação e recebermos o comunicado de que nos mantemos em elevação, estando entre os primeiros do IOEB de 2019, é motivo de alegria e satisfação”, finalizou parabenizando a todos que fazem parte da Educação, cumprimentando o diretor de Educação José Henrique Rossi e toda equipe. (Com informações assessoria de imprensa/Prefeitura)