(Cedida/PM Rodoviária)

A Segunda Companhia de Polícia Rodoviária iniciou à zero hora de hoje, 27, a ‘Operação Ano Novo 2019/2020’ que prosseguirá até as 23h59, do dia 2 de janeiro, nas regiões de Presidente Prudente, Dracena e Presidente Venceslau, com 1.344,525 km de rodovias, em um total de 56 municípios. O trabalho é alinhado à Década de Ações para a Segurança no Trânsito – ONU (2011 – 2020) e ao Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, cuja proposta é reduzir em 50% os acidentes de trânsito em todo o mundo.

O Policiamento Rodoviário estará desenvolvendo ações voltadas à ação de presença da Polícia, no intuito de coibir o cometimento das infrações que mais ocasionam acidentes de trânsito, sendo o excesso de velocidade com utilização de radares portáteis, ultrapassagens em locais proibidos, embriaguez ao volante, dentre outras.

A Polícia informa que em qualquer emergência de trânsito, o usuário poderá, estando em trânsito pela Rodovia Raposo Tavares, acionar o socorro da Concessionária CART, através do telefone 0800 773 0090, e no caso das demais rodovias da região o atendimento será realizado pela UBA – Unidade Básica de Atendimento do DER pelo telefone 0800 055 5510, e ainda contando sempre com o 190 da Policia Militar.

Dentre as rodovias atendidas pela Segunda Companhia os condutores deverão ficar atentos nos trechos de pista simples, onde deverão ter atenção especial, principalmente durante as ultrapassagens, em particular a Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP 294) na região de Dracena/SP, a Rodovia Homero Severo Lins (SP 284) entre Martinópolis e Rancharia e a Rodovia Assis Chateaubriand (SP-425) entre Pirapozinho e a divisa com o Estado do Paraná.

Álcool x Direção

Os policiais rodoviários fiscalizarão o consumo de bebidas alcóolicas ou de substâncias de efeitos análogos, nas Operações Direção Segura (ODS) promovidas por todo o efetivo, nas fiscalizações de trânsito e durante o atendimento de eventuais acidentes de trânsito. O motorista que for flagrado dirigindo sob a influência de álcool poderá ser penalizado com multa de R$ 2.934,70, a retenção do veículo e a suspensão do direito de dirigir por 12 meses, além de que, poderá, responder criminalmente pela sua conduta, dependendo da circunstância em que for flagrado, com pena de detenção de 6 meses a 3 anos.

O comando de Policiamento Rodoviário solicita especial atenção ao período de chuvas, porque no Natal foram registrados vários acidentes que ocorreram devido à pista molhada.