Sargentos Benício que deixa o comando do TG de Dracena e o novo instrutor chefe sargento Stuchi (Marcos Maia/JR)

Nesta semana, o sargento André Luís Stuchi que é dracenense, assumiu definitivamente a chefia do Tiro de Guerra local. Deixa o comando do TG o sargento Benício para assumir o comando da 4ª Brigada de Infantaria do Exército em Juiz de Fora, Minas Gerais.

Benício retornou de férias no mês passado e disse que terá até a próxima semana para passar o comando do TG ao sargento Stuchi.

Na segunda-feira, 6, ele pretende ir ao gabinete do prefeito Juliano Bertolini, diretor do Tiro de Guerra, para realizar o ato oficial de passagem do cargo ao sargento Stuchi. Após esse ato em Dracena, o sargento Benício vai se deslocar até São Paulo juntamente com o sargento Stuchi onde ocorrerá a transição do cargo ao comando do Exército.

Benício aproveitou para falar: “Agradeço a Dracena pelo apoio durante o tempo que fiquei no comando do Tiro de Guerra, aos pais dos 150 atiradores que foram formados neste período, ao qual sou muito grato pela confiabilidade que me deram; as autoridades do município; ao prefeito Juliano e aos vereadores na pessoa do presidente Milton Polon. Gostei muito de Dracena e pode ser que eu venha morar futuramente aqui quando estiver na reserva”, comentou o sargento Benício.

O sargento Stuchi que vem do 17º Regimento de Cavalaria Mecanizado do Exército de Amambai, MS, disse que nesta semana recebeu o Tiro de Guerra do sargento Benício e já realizou a conferência do material tanto por parte da municipalidade quanto do Exército. “É um cargo de bastante responsabilidade e diferente para mim, é uma oportunidade única para um sargento vir chefiar o Tiro de Guerra, espero corresponder às expectativas com trabalho e dedicação, devolver a comunidade dracenense, cidadãos melhores do que entraram, conto com o apoio de todos”, finalizou Stuchi.

QUEM É O NOVO COMANDANTE DO TG LOCAL

André Luís Stuchi é nascido em Dracena, tem 40 anos. Casado com Franciele Ramos Reggiani Stuchi com quem  possui 2 filhos, Iasmin Reggiani Stuchi (8 anos) e Erick Reggiani Stuchi (3 anos).

É graduado 1º sargento da arma de comunicações; cargo: chefe da instrução do Tiro de Guerra 02-082 de Dracena. Se incorporou ao Exército Brasileiro, no Tiro de Guerra em de 1º março de 1998 permanecendo até 11 de dezembro de 1998. Depois cursou a Escola de Formação de Sargentos no ano de 2000.

Organizações Onde Serviu

Escola de Sargento das Armas em Três Corações-MG;

37º Batalhão de Infantaria Motorizado em Lins-SP;

3ª Companhia de Força de Paz do 11º Contingente do Exército Brasileiro em Porto Príncipe – Haiti;

Escola de Aperfeiçoamento de Sargento das Armas em Cruz Alta-RS;

17º Regimento de Cavalaria Mecanizado em Amambai-MS.