Jovens frequentadores da Apae que estão no mercado de trabalho (Divulgação)

Este mês também é conhecido por ‘Setembro Verde’, sendo o período dedicado a inclusão social da pessoa com deficiência.

A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais – Apae Dracena lembra que a campanha teve início em 2015 e foi instituída pela Federação das Apaes do Estado de São Paulo (FEAPAES/SP) em parceria com Apae de Valinhos (SP). O objetivo é tornar o mês de setembro referência na luta pelos direitos e inclusão social da pessoa com deficiência.

A Apae local está inserida neste movimento, atende aproximadamente 211 alunos/destinatários com Deficiência Intelectual, Múltipla e Transtorno do Espectro Autista (TEA) e realiza o projeto inclusão no mercado de trabalho desde 2008. Atualmente são 13 destinatários inseridos no mercado de trabalho desempenhando normalmente suas funções. As empresas parceiras são: Rede Troyano de Supermercados; Supermercados Ikeda; Glencane Bioenergia S/A (Usina Rio Vermelho); Medral Engenharia e Faculdade Reges.

A Apae realiza um trabalho de acompanhamento aos destinatários com atendimentos de assistência social, terapia ocupacional e psicologia, além de todo respaldo quando necessário. “É notória a alegria, a satisfação, a motivação, a valorização dos familiares e dedicação dos destinatários em seus respectivos locais de trabalho, da empresa e funcionários que os acolhem com carinho e o mais importante com respeito reconhecendo-os como pessoas de direitos e participantes ativos na sociedade”, pontua a diretoria da entidade escola, cujo presidente é o advogado Paulo Roberto de Mendonça Sampaio.

(Divulgação)