O Dia das Mães, considerado pelo varejo nacional o Natal do primeiro semestre, deve registrar aumento real, descontada a inflação, de 3,8% no volume de vendas, em comparação a 2018, o que significa movimentação financeira da ordem de R$ 9,7 bilhões. A estimativa foi divulgada na semana passado no Rio de Janeiro, pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).

O economista-chefe da CNC, Fabio Bentes, destacou que esse é o terceiro ano consecutivo de alta do faturamento do varejo brasileiro no Dia das Mães. “Desde que a crise [econômica] acabou, em 2016 e início de 2017, as vendas para o Dia das Mães vêm crescendo. É uma data importante para o comércio; é o Natal do primeiro semestre”.

Fabio Bentes disse que, como se trata de uma data grande, acaba movimentando também um pouco a demanda por trabalhadores. “Como a expectativa de vendas é de alta, a contratação tende a crescer um pouco mais que no ano passado”.

Nesta sexta-feira, 10, as lojas do comércio de Dracena funcionarão das 9h às 22h, e no sábado das 9h às 15h. O horário maior de atendimento é para atender as vendas voltadas ao Dia das Mães, comemorado neste domingo.
Com o horário diferenciado, de segunda a quinta-feira da semana que vem, as lojas abrirão a partir das 9h, conforme informação da Associação Comercial e Empresarial (ACE).
Os consumidores que comprarem nas lojas participantes da promoção ‘3 em 1’, que engloba três grandes datas para o comércio: Dia das Mães, Dia dos Namorados e Dia dos Pais concorrerão a prêmios.

Para o Dia das Mães, estarão concorrendo a quatro vale-compras no valor de R$ 500. O sorteio está marcado para o dia 31 de maio. (Da Redação com informações da Agência Brasil)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor envie seu comentário
Por favor digite seu nome