Em uma ação coordenada, o Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCESP) realiza, hoje (27/8), desde ás 8h00, fiscalização surpresa para vistoriar o fornecimento, distribuição e controle de medicamentos na rede de saúde em 221 municípios.

A ação, que será realizada em 298 locais – hospitais, Unidades Básicas de Saúde (UBS), farmácias e almoxarifados -, é executada ‘in loco’ por 303 agentes de fiscalização do TCE. Os trabalhos podem ser acompanhados em tempo real por meio de uma central de monitoramento pelo link http://streaming.tce.sp.gov.br/dashboard.

Durante 6 (seis) horas, com previsão de encerramento às 14h00, serão vistoriados itens como o acondicionamento dos medicamentos; as condições de controle no armazenamento e na distribuição dos remédios – inclusive àqueles que são entregues por meio de processos judiciais.

Os remédios de uso controlado e as medidas de segurança adotadas; dados do estoque mínimo de segurança e a contagem física dos medicamentos; os sistemas de controle de entrada e saída; e a presença de laudo do Corpo de Bombeiros e da Vigilância Sanitária, também fazem parte da vistoria.

“A partir da ação, será possível traçar um mapa da situação dos almoxarifados de saúde no Estado. O objetivo é que os responsáveis tomem conhecimento e possam corrigir falhas e irregularidades”, justificou o Presidente do TCE, Antonio Roque Citadini.

Todos os dados coletados e situações de irregularidade serão apresentados ao final do dia, por volta das 17h00, na forma de um relatório gerencial.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor envie seu comentário
Por favor digite seu nome