Está preso na cadeia de Adamantina, à disposição das autoridades, Thiago Antônio Firmino, de 31 anos, morador em Osvaldo Cruz, acusado de sequestrar e assassinar o avô Antonio Firmino Braga de Jesus, morador em Sagres, de 86 anos, que era morador em Sagres.

O idoso foi tirado de casa, em Sagres, pelo neto, na noite de sábado (12), por volta das 23h. Um amigo do acusado chamado para auxiliar a retirada do avô do imóvel desconfiou, e depois informou à Polícia Civil, em Osvaldo Cruz. Imediatamente foram iniciadas diligências, que comprovaram as informações iniciais.

Poucos depois de retirar o idoso de casa, ele foi morto pelo neto, a pauladas. O neto fugiu em seguida e após investigações, foi preso por volta das 15h30 deste domingo (13) em Três Lagoas (MS). A prisão temporária foi autorizada pelo Poder Judiciário. (Continua…) 

A prisão do neto permitiu à Polícia Civil da região a obtenção de informações sobre a localização da vítima. O neto confessou ter matado o avô, a pauladas. O corpo foi encontrado às margens da Rodovia Assis Chateaubriand (SP-425), trecho pertencente ao município de Parapuã. O corpo foi periciado no local, pela equipe da Polícia Científica, e depois removido pelo serviço funerário ao Instituto Médico Legal (IML), para posterior liberação à família.

Após ser preso na tarde deste domingo em Três Lagoas, o acusado foi transferido para a Nova Alta Paulista, ficando recolhido inicialmente em Adamantina, para prestar depoimentos junto à Polícia Civil, no inquérito que investiga o caso. Posteriormente o homem preso deve ser transferido para uma unidade prisional do sistema penitenciário, onde deverá aguardar julgamento.

O acusado era funcionário de um supermercado em Osvaldo Cruz. A desavença com o avô foi motivada por dinheiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor envie seu comentário
Por favor digite seu nome