De acordo com estudo elaborado pela Fundação Seade, com base no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho, no Estado de São Paulo no 2º trimestre de 2019, foram gerados 74.453 postos de trabalho resultado de 1.250.041 admissões e 1.175.588 desligamentos.

Nesse período, o estoque de 12.102.133 empregos formais do Estado de São Paulo representava 31,2% do total de empregos do Brasil.

No mesmo período, na Região Administrativa (RA) de Presidente Prudente – que detém 1,4% do total de empregos formais do Estado –, o nível de emprego elevou-se em 1.974 postos de trabalho (15.945 admissões e 13.971 desligamentos).

A Fundação Seade divulgou ontem, 19, a pesquisa sobre a evolução dos empregos formais no Estado de São Paulo e suas regiões no 2º trimestre de 2019.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor envie seu comentário
Por favor digite seu nome